Logística reversa: estratégia e vantagens empresariais

Este trabalho análisa a importancia da logística reversa como estratégia e vantagem corporativa por meio de seus canais reversos. O estudo demonstra que empresas atuantes no Estado do Amazonas fazem diferentes avaliações de importancia da logistica reversa influenciando sua atuação no mercado

Por: Rodrigo Ferreira Andrade

1. Introdução

 

A logística esta presente desde a era da idade das pedras, ganhou força na idade média e hoje apesar de um processo lento evolucionário é considerado um instrumento estratégico de competitividade no mercado empresarial.

Os gregos no ano 400 a.C praticavam varias técnicas logísticas para obter melhores desempenhos em guerra, anos mais tarde os romanos também adotaram as mesmas medidas (ALVARENGA, 2000).

Em 1901, devido problemas de administração entre produção e consumo, necessidade de espaços para armazenagem, surge à primeira publicação sobre os custos de distribuição de produtos agrícolas nos EUA (ALVARENGA, 2000).

Em 1916 em Harvard, discute sobre aspectos estratégicos de serviços de transporte de materiais (NOVAES, 2000). Em 1950, a logística, surge como matéria na Universidade de Harvad, nas cadeiras de Engenharia e Administração de Empresas, sendo que em 1988, o Tenente Roger já havia introduzido a logística, como matéria, na Escola de Guerra Naval dos EUA. Durante toda a 1º Guerra Mundial a palavra logística normalmente era empregada em outros termos como Administração, Organização e Economia da Guerra.

Em 1960, a Universidade de Michigan, oferece os primeiros cursos de treinamento em logística, proporcionando o surgimento dos fundadores acadêmicos em conjunto com os militares americanos no desenvolvimento de conhecimento na área (NOVAES, 2000).

Com o desenvolvimento dos mercados de bens e serviços a logística passou a ser pressionado atuar com maior controle e identificação de oportunidades por meio de redução de custos, redução nos prazos de entrega, aumento da qualidade, cumprimento dos prazos, disponibilidade constante de produtos, programação das entregas, facilidade na gestão de pedidos e flexibilização da fabricação entre outros.

No Brasil a logística surgiu nas universidades a parti dos anos de 1990 (UFSC, UFRJ, UFSP), durante esse período a logística estava integrada ao marketing, a logística, então, passou a ser um instrumento de manutenção da competitividade (ALVARENGA, 2000).

Com a globalização e sua devida evolução revolucionaria, empurrada pelo capitalismo, onde empresas passam a competir em nível mundial a logística ganha sua importância e foco como diferencial empresarial (ALVARENGA, 2000).

2. Metodologia

O estudo abordará metodologia dedutiva explicativa e comparativa com meio investigativo de pesquisa de campo, bibliografica historica e atual onde foram coletados matériais impressos já divulgados, livros, artigos cientificos e outros modos de divulgação de resultados por pesquisadores. A documentação concentra-se em textos existentes sobre o tema em estudo.

3. Fundamentação Teorica

A atividade logistica presente no cotidiano do homem a seculos nao possuía grande importancia até o atual momento que vivenciamos. Hoje a logistica é considerada uma atividade de extrema importancia para as organizações.

A definição de logistica segundo o Dicionario Aurelio (2001), vêm do frânces logistique, “parte da arte da guerra que trata do planejamento e da realização de projeto e de desenvolvimento, obtenção, armazenamento, transporte, distribuição, reparação, manutenção e evacuação de material (para fins operativos ou administrativos)”.

Segundo Leão (2001), a logistica, passou a ser um instrumento fundamental para a manutenção da competitividade, submetendo a logistica aos novos conceitos de gerenciamento da cadeia de suprimentos, integração dos processos de négocio, desde os fornecedores até os usuarios de produtos e serviços.

A logistica empresarial é focada nas atividades de planejamento, controle, armezenagem, movimentação e organização de produtos e da informação. Com a globalização o mercado presencioou um forte crescimento e assim houve uma exigencia de um maior fluxo de serviços ou mercadorias de maneira eficiente e eficaz com disponibilização de mercadorias ou serviços no lugar certo, no instante correto e na condição deseja ao menor custo possível.

Segundo Novaes (2001) logistica é o processo de planejar, implementar e controlar de maneira eficiente o fluxo e a armazenagem de produtos, bem como os serviços e informações associados, cobrindo desde o ponto de origem até o ponto de consumo, com o objetivo de atender aos requesitos do consumidor.

Atualmente utilizamos produtos, de modo geral, cada vez mais similares, com renovação tecnologica, com processos produtivos cada vez mais enxutos, com disponibilidade materiais-primas de qualidade, isso provoca um nivelamento entre os fabricantes e perca da percepção da marca no mercado.

Os fabricantes se veem obrigadados a reduzir seus custos produtivos oferecendo preços menores e mais competitivos, manutenção dos seus mix de produtos e serviços, controle da qualidade e otimização dos recursos.

Quando falamos em marca empresarial ou imagem corporativa estamos nos referindo a assimilação ou mentalização que a instituição representa, essa mentalização se faz mediante caracteristica ou comportamento no mercado, essa imagem pode ser negativa ou positivo.

Segundo Minguez (1999) refere-se a um conjunto de significados que uma associa a uma organização. Contribui ainda que o processo de formação de formação de uma imagem é um processo sempre complexo, pois é o resultado de uma abstração que cada individuo forma em sua mente a parti de operações de simplificação com atributos mais ou menos representativos para ele. Estes atributos, são, em sua maioria, proveniente de três fontes de informação: os meios de comunicação de massa, as relações interpessoais e a experiencia pessoal. Em resumo, a imagem corporativa é constituida por retalhos do que a empresa é, o que a empresa faz o que a empresa diz.

Costa (2001) atenda para o fato de que o termo imagem é geralmente associado ao sentido da visao, ou, na melhor das hipoteses, ás percepções sensoriais. Mas imagem corporativa, para o autor, é mais: “La imagem de empresa es la representacion mental, en el imagenario colectivo, de um conjunto de atributos y valores que funcionan como un estereotipo y determinam la conduta y opiniores de esta colectividad”.

Resumidamente Ade (2001) define que a imagem corporativa é a identidade é realidade; imagem e percepção. Identidade molda imagem; imagem reflete identidade”.

A valorização da logistica e sua maior utilização fez-se torna-se uma ferramenta estratégica no meio empresarial, com novos objetivos na geração de riquezas e consolidação das organizações por meio da logistica reversa.

A logistica reversa está sub-dividida em dois segmentos: a de pós-consumo e de pós-venda. Segundo Gisele e Roseane (2005) a logistica reversa surge da necessidade de estruturação dos canais de distribuição reversos, através dos quais ocorrem um fluxo reverso de produtos e/ou informações.

O canal de distribuição reverso de pós-consumo se caracteriza por produtos oriundos de descarte após uso e que podem ser: revendidos, recondicionados, reciclados e, em ultimo caso, descartados. Já o canal de distribuição reverso de pós-venda se caracteriza pelo retorno de produtos com pouco ou nenhum uso que apresentaram problemas de responsabilidade do fabricante ou do distribuidor (GISELE et al ROSEANE, 2005).

A logistica reversa vem evoluindo no Brasil, sendo considerada pelas empresas brasileiras como instrumento estratégico com alguns segmentos já estruturados como os de reciclagem de papel ondulado, vidro e aluminio.

4. Resultados

O artigo conserva um mesmo foco de estudo realizado por Ligia Helena Padilha e Paulo Roberto Leite em Canais Reversos e a Imagem Corporativa- Um Estudo de Multicasos; com adição de três empresas de ramos/segmentos de mercado diferenciado.

Atualmente presenciamos o aumento da pratica da logistica reversa, porém essas praticas variam de acordo com a estruturação o qual a empresa está inserida, observando variaveis como: mercado, economia, politica e social. A logistica reversa observada na maioria das empresas não são consideradas relevantes mesmo quando estas proporcionam ganhos finaceiros ou redução de custos.

A obtenção de dados para elaboração do estudo não houve dificuldades pelo fato de serem empresas o qual os proprios pesquisadores participam do seu corpo de capital intelectual, as empresas análisadas são: NovaCar e Amazonas em Tempo.

4.1 NovaCar – Auto Peças

A NovaCar é uma empresa presente no mercado manuara á 5 anos atuando no setor de vendas de peças de automoveis atrelada a serviços de manutenção tercerizada. Sua localização é estratégica no centro do bairro do Nova Cidade, tem um capital investido de R$ 80.000 mil, empregando somente os proprietarios, ou seja, é uma empresa familiar.

A logistica reversa deste canal reverso é imposto por leis federais, estadual e municipal, caso não existisse tal mecanismo esse setor resultaria em grandes transtornos ao meio ambiente da cidade e á saúde da sociedade.

A NovaCar tem como canal reverso de pós-consumo o retorno do oleo lubrificantes de motores diversos e baterias. A empresa estabelece uma parceria entre seus tercerizados na recepção do oleo com a disponibilização de serviços gratis “troca de oleo” ao cliente; com relação a bateria, a Novacar busca por meio concessão de crédito ao consumidor, a devolução da bateria usada, sendo abatido o valor no preço da nova bateria adquirida na loja. As peças de pós-consumo que não tendem a ser reaproveitadas ou recicladas são sujeitas a coleta publica do municipio onde são destinadas aos lixões “aterros sanitarios”.

Por ser uma empresa de pequeno porte a empresa possui um estoque minimo, devido pouco fluidez de capital de giro o que influencia diretamente seu canal reverso de pós-venda, onde se trabalha com venda pre-estabelecida, sendo sua loja o unico ponto de coleta e distribuição. A figura 1: mostrará como funciona as atividades de logistica rever na empresa.

Ao se avaliar ao ganho de imagem pela prestação de serviços ao cliente vê –se a preocupação da empresa em satisfazer as necessidades do cliente criando alternativas que proporcione vantagem financeira através de uma atividade empresarial de valorização tanto do cliente como na redução de residuos lançados nos aterros sanitários. A NOVACAR busca por meio de uma maior relação com seus cliente e fornecedores aproveitar outros residuos, porém, se faz necessarios que os fabricantes se interessem e desenvolvam peças e mecanismos de valorização desses residuos assim estaremos atendendo uma cadeia de interesse de forma satisfatoria. A logistica reversa da empresa é de atender a vontade do cliente de todas ás formas substituindo produto por outro igual, troca por outros produtos e concessão de crédito a estes. O objetivo da NOVACAR é manter sua clientela satisfeita evitando assim problemas juridicos que acabam por prejudicar a imagem da empresa.

4.2 Jornal Amazonas em Tempo – Em Tempo

Fundado em 1987, é hoje uma empresa consolidada em seu mercado, tendo destaque nas varias publicações investigativa, revistas diversas e propriamente o Jornal Informativo Em TEMPO. A empresa atua hoje em varios segmentos de mídia no amazonas atendo aproximadamente 18 municipios do Estado do Amazonas com objetivo de chegar a todos os municipios deste Estado. A empresa hoje tem um grupo de clientes a cerca de 500 mil leitores dia, gerando aproximadamente 120 profissionais diretos e 40 indiretos. A imagem que a empresa representa é de honestidade, coerência, qualidade e confiabilidade das informações que são divulgadas no dia-dia do amazonense, sua principal imagem marcante é a cor verde que exibe o nome da empresa. A empresa fôca suas atividades na fluidez de suas noticias e velocidade de entrega/venda destas com processos e sistemas que lhe garantem uma maior aceitação, proporcionando o leitor manter-se atualizado com noticias do Brasil e do Mundo.

O EM TEMPO tem seus principais fornecedores de bobina de papel situado fora do Estado, e em seu processo de fabricação tem uma perda cerca de 45% onde esses são na maioria das vezes destinado aos aterros sanitarios da cidade. A perda no processo de produção gera em média 100 Kg/ dia de papel, esse papel inicialmete era destinado aos lixões mas atualmente a empresa vende esse refugo aos atravessadores/ catadores de papel. Esse processo de recolhimento do refugo cerca de 2 toneladas por semana é de inteira responsabilidade do atravessador.

Sua logistica reversa de pós-venda é totalmente dependente de seus distribuidores tercerizados onde este repoem as edições atualizadas e recolhe ás ediçoes encalhadas nas vendas, essas edições que não foram vendidadas são direcionadas ao refugo que é vendido aos atravessadores e estes vendem á empresas especializadas na reciclagem de papel. Em outras palavras a empresa considera seu canal de logistica reversa extremamente relevante e essencial no processo competitivo ao qual vivencia, onde qualquer erro ou problemas em seu canal de logistica reversa pode a vir interferir negativamente na imagem da empresa. Os tercerizados atendem todas as caracteristicas de logistica reversa pelo fato de se trabalhar com vendas consignadas, devolvendo-se edições que não foram vendidas.

Caso o cliente queirá uma edição passada a unica fonte de obtenção é a propria empresa que possui uma especie de arquivo que guardam um número limitado de cada edição, infelizmente a empresa não possui nenhum mecanismo de recolhimento de logistica de pós-consumo de seus jornais.

5. Considerações Finais

O artigo demonstra que as empresas possuem uma diversidade de estrutura e de importancia das atividades logisticas no qual influencia a projeção de sua imagem ao mercado.

A empresa NOVACAR em razão de ter somente dois produtos que exercem a logistica reversa de pós-consumo, considera-se uma atividade relevante, já quando análisamos seu canal reverso de pós-venda é irrelevante devido atender uma venda casada isso acaba por resultar em menor quantidade de produtos não consumidos retornada.

A empre EM TEMPO possui grande quantidade de edições que retornam pelos canais reversos, onde seu sucesso depende da estrutura logistica adotada. A logistica reversa adotada na empresa nesse ultimos 3 anos proporcionaram a empresa uma redução no processo produtivo, porém, a logistica reversa é permitida pelo empresario somente pelo ganho de imagem da empresa com a informação atualizada, com relação ao meio ambiente não se tem ta percepção por seus leitores.

Essas análises seguem ás caracteriscas adotas por Leite e Padilha (2008), em seu artigo Canais reversos; vejamos como se encaixam ás duas empresas:

Canal reverso é irrelevante. Ocorre quando a quando a quantidade de produtos não consumidos retornada é muito pequena frente á distribuição total. A logistica reversa não aparece nas estatisticas da empresa e ocupa uma posição marginal.Canal reverso é relevante. Ocorre quando a quantidade de produtos não são consumidos retornada é razoavel frente a distribuição total. A logistica reversa recupera valor e principalmente, contribui para o fortalecimento da imagem da empresa.Canal reverso é importante. Ocorre quando a quantidade de produtos não consumidos retornada é grande frente a distribuição total. A logistica reversa não só contribui para o fortalecimento da imagem como também recupera uma parcela significativa do valor, sendo parte fundamental da operação da empresa.

Outra observação feita é que apesar do pouco incentivo nesse seguimento (logística reversa) ás empresa vêem essa atividade como uma oportunidade de ganho seja ela monetário ou até mesmo ganho na imagem corporativa da empresa.

Fonte: http://www.administradores.com.br/informe-se/artigos/logistica-reversa-estrategia-e-vantagens-empresariais/50759/

 

 

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: